O ministro da Defesa, Raul Jungmann, proferiu, na tarde desta quarta-feira, aula magna para alunos do Instituto Rio Branco, em Brasília, que inauguram a disciplina “Defesa, Segurança e Política Externa”. Coube ao diretor-geral do Instituto Rio Branco, embaixador José Estanislau do Amaral Souza Neto, fazer a abertura do evento, ressaltando a estreita relação entre a defesa e a diplomacia brasileira.

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, irá proferir a aula inaugural do curso “Defesa, Segurança e Política Externa”, nesta quarta-feira (25), às 15 horas, no Instituto Rio Branco (a academia diplomática do Brasil). A aula será transmitida em tempo real pela página do Ministério da Defesa no Facebook .

O objetivo do curso é apresentar aos jovens diplomatas conceitos, correntes teóricas e instituições em matéria de defesa e segurança internacional à luz da política externa brasileira e de processos e conflitos contemporâneos, enfatizando a estreita articulação entre diplomacia e defesa. O método de ensino combinará aulas expositivas, de conteúdo teórico-conceitual, com palestras e apresentações de autoridades e formuladores de política, buscando articular o conhecimento acadêmico e a experiência empírica de especialistas.

La mañana de este jueves -19 de enero-, se llevó a cabo en el Patio de Armas de la Academia Militar de Oficiales de Tropa “Comandante Hugo Rafael Chávez Frías, adscrita a la Universidad Militar Bolivariana de Venezuela, el Acto de Graduación de la VII Promoción de Oficiales de Tropa de la Fuerza Armada Nacional Bolivariana que lleva por nombre “G/D Alejandro Petión Bicentenario de la Expedición de los Cayos”.

El Ministerio de Defensa, que conduce Julio Martínez, informa que se encuentra abierta la inscripción al Ciclo Lectivo 2017 para la Maestría en Defensa Nacional y el Curso Superior en Defensa Nacional que se dictan de la Faculta de la Defensa Nacional (FADENA)

O Instituto Rio Branco, a academia de formação de diplomatas brasileiros, lança o curso “Defesa, Segurança e Política Externa”, nesta sexta-feira. O curso ocorre em parceria com o Instituto de Pesquisa de Relações Internacionais e Fundação Alexandre Gusmão (IPRI-FUNAG).

O objetivo do curso é apresentar aos jovens diplomatas conceitos, correntes teóricas e instituições em matéria de defesa e segurança internacional à luz da política externa brasileira e de processos e conflitos contemporâneos, enfatizando a estreita articulação entre diplomacia e defesa.